Pesquisa por:

“Suíte Bipolar em Dó Maior”

SBDM é o novo EP de Dario Julio & Os Franciscanos, projeto solo – com nome de banda – do cantor e compositor Dary Esteves Jr. (lorena foi embora…, Esteves & Nadal, Terminal Guadalupe).

Tivemos a honra de mixar e mastigar esse lindo trabalho, um dos destaques de 2021 na cena musical brasileira.

Apesar de unidas por um acorde, as canções funcionam isoladas. O tema surgiu no enfrentamento das crises provocadas pelo transtorno da mãe do cantautor pantaneiro radicado em Curitiba (PR).

Fé, desencanto, resistência, tragédia, resiliência, o morde-e-assopra dialoga com a realidade brasileira, mas o tom que predomina é de esperança, a despeito da falsa simetria usada para discutir a polarização política no país – só existe um extremo, abertamente fascista, enquanto a narrativa pró-terceira via mergulha em dissimulação.

O álbum de estreia, “O Menino Velho da Fronteira” (Independente, 2019) tinha aquele clima de radinho de pilha, bem setentista, e algo brega de butique. O que vem agora é a sonoridade do pós-punk intensa entre o fim dos anos 80 e começo dos 90, com referências claras a The Smiths, The Housemartins e R.E.M., por exemplo.

Dary se cercou de bons e velhos amigos. Gravou a suíte no Nico’s Studio, em Curitiba, com produção de Bruno Sguissardi (Anacrônica), com mixagemo e masterização de Fábio Della (Aerocirco, Monocine) no estúdio DellaProd, em Belo Horizonte (MG). 

Produzido por Bruno Sguissardi.

Voz: Dary Esteves Jr.

Vocais: Sandra Piola, Ju Liana Morais e Bruno Sguissardi

Violão, guitarras, teclado, banjo e baixo: Bruno Sguissardi

Bateria: Ivan Rodrigues

Gaita e slide guitar: Tiago Martins

Todas as canções são de autoria de Dary Esteves Jr., exceto “Profissão de Fé” (música de Allan  Yokohama com letra de Dary).

Gravado no Nico’s Studio, em Curitiba (PR) no outono de 2021, por Francisco Desalvo.

Mixado e masterizado por Fábio Della do estúdio DellaProd, em Belo Horizonte (MG).

Foto: Leticia Tullio

Arte da capa: Kassio Guaraná

Este álbum é dedicado aos profissionais de saúde que enfrentaram a pandemia de covid-19 e às famílias vítimas da maior crise sanitária da história do Brasil.

É PRECISO CORAGEM

Dario Julio e os Franciscanos

“É Preciso Coragem” (Dary Esteves Jr.), primeiro single novo álbum de Dario Julio & Os Franciscanos, está no mundo.

Voz: Dary Esteves Jr.
Guitarra, violão, baixo e piano: Bruno Sguissardi
Bateria: Ivan Rodrigues
Vocais: Sandra Piola, Ju Liana Morais e Bruno Sguissardi

Mixado/masterizado por Fábio Della no estúdio DellaProd, em Belo Horizonte (MG).

Gravado no Nico’s Studio, em Curitiba (PR), com assistência de Francisco Desalvo.


Saiba tudo sobre o projeto e o lamento nessa matéria que saiu no portal CULTURA 903 por Flavio Jacobsen – AQUI


Escolha a sua plataforma digital – AQUI

Para quem não assina plataforma digital – AQUI

Produzido por Bruno Sguissardi.

ESTEVES & NADAL

SOBRE “INDISTINTAMENTE”

Foi dada a largada com ‘Indistintamente’, o primeiro single dessa parceria, que foi mixado e masterizado por DellaProd Studios, já está no ar nas plataformas digitais.

Spotify

Deezer

Youtube

iTunes

Dellaprod por Ahmad Schabib Hany (jornalista e historiador) Plenamente cosmopolita, encantadoramente conspiratória (no melhor e mais preciso das acepções da mais bela flor do Lácio que atravessou mares e oceanos e aportou no Rio Paraguai, no coração do Pantanal e da América do Sul)… Parabéns, Dary Jr. e Paulo de Nadal! Vocês cumprem com a missão dialética do contraponto à mediocridade, à mesmice e ao agronegócio da música ou ao sacronegócio dos hinos… Vocês nos representam! Lavaram as nossas almas errantes, mas esperançosas de um raiar urgente, de um palpitar sincero e de um olhar meigo mas selvagem, para dar alento aos nossos já tênues clamores por dias mais generosos e um planeta mais aconchegante, não para nós, mas para os/as que vierem depois de nós.

Alicinha – Garoto Chato

A DellaProd entra de vez nas produções infantis, com produções completas, desde as composições até agenciamento artístico e nessa onda lançamos ALICE CLEYDINHA.

A música “Garoto Chato”. Com uma cara divertida como tem que ser já que vem de uma criança cheia de alegria e energia, a música é contagiante e num tema que é típico entre as crianças dessa idade.  Alice fez frente a música escrevendo sua primeira canção e com a produção do seu pai Fábio Della.

Confira a música em qq plataforma streaming, basta procurar por Alice Cleydinha  o seu novo clipe AQUI.

Alice tem um canal no youtube, tb produzido aqui pela DellaProd e vc pode conhecer clicando AQUI

Sua primeira música “Vem pra minha festa” tb está no canal, junto da versão de “Boy Chiclete”. 

DOUFÔNICO

DUOFÔNICO – Lança seu primeiro EP

O duo formado por Léo Dias (violão e voz) e Marcio Ronei (baixo e voz) chamado DUOFÔNICO prepara o lançamento do seu primeiro EP. Com 4 faixas o EP traz canções muito melódicas e suaves, totalmente acústicas. As faixas tem arranjos de violões, pianos, hammonds, muitas vozes e um groove firme e grave dos baixo a lá Hofner.

O disco foi gravado no estúdio Canal 100 em BH e mixado/masterizado por Fábio Della aqui na DellaProd.

Em breve, mas sem data definida, faixa a faixa o disco será lançado em toda rede, inclusive aqui no nosso portal.

Outros Bárbaros

OUTROS BÁRBAROS (Floripa/SC) LANÇA DISCO 

Vale a pena reimprimir a matéria escrita por Daniel Silva no portal Rifferama.

“Não seria exagero chamar os Outros Bárbaros de supergrupo. Os músicos do quarteto formado por Maurício Peixoto (voz, violão e guitarra), Roberto Bez (teclados), Eduardo Lehr (baixo) e Quinho Mibach (bateria) têm uma longa ficha de serviços prestados ao cenário independente nacional em bandas como Aerocirco, Os Berbigão, Dr. Silvana, Eletrolíticos, Babba, Papo Amarelo e Della/Peixoto. Após dois anos de preparação, o grupo acaba de lançar, hoje 13/06, o disco completo em toda rede.

“Outros Bárbaros”, o álbum homônimo de estreia da banda, traz dez faixas (nove inéditas e uma regravação do Aerocirco: “A pílula certa”) e acaba de ser lançado em todas plataformas digitais. O trabalho foi gravado pela própria banda em diversos locais, mas teve a mixagem a cargo de Fábio Della em Belo Horizonte (MG). A masterização também ficou em boas mãos – Alexei Leão, do AML Estúdio.”

Foto: Quinho Mibach

ASSISTA O CLIPE DE  O QUE ELES QUEREM e perceba toda vive da banda.

Tão Deserto Quanto Eu

MONOCINE - TAO DESERTO

Foram necessários meses em estúdio para gerar o álbum “Tão Deserto Quanto Eu”, o primeiro da promissora Monocine, banda mineira formada por Fábio Della (vocal e guitarra), Felipe Brant (baixo), Hamilton Soares (teclados) e Nenel Neto (bateria).

Radicado em Belo Horizonte há cinco anos, Fábio Della é catarinense e ficou conhecido por seu trabalho à frente do grupo Aerocirco. É ele quem assina as 10 composições do disco, gravado nos estúdios Mix e Ultra, entre novembro de 2014 e março deste ano.

Sem pedir licença, “Deixa Eu Entrar” abre os trabalhos com pegada rock e é seguida pela ótima “Tão Deserto Quanto Eu”, que dá nome ao álbum. “Somos” tem levada sexy de baixo e bateria e fala sobre erro, força, entrega, amor e dor.

Guiada pelo Harmonium Organ – o mesmo de “Cry Baby Cry”, dos Beatles -, a arrepiante balada “Antes Tudo Fosse Assim” retrata o período em que a filha do vocalista ficou entre a vida e a morte no hospital. O instrumental passa os sentimentos de medo da perda e de vibração pela cura.

“Há de Ser” é uma porrada sonora, e “Enquanto Nós” fala do quanto o ser humano precisa viver junto de quem ama. É triste nas estrofes e pra cima nos refrões, quando fala de como nos sentimos quando estamos juntos.

As próximas três músicas – “Se é Sincero”, “Lembro de Você” e “Fábrica dosVivos” – têm andamento acelerado e perfeita simetria entre guitarra, baixo e bateria, uma das marcas da banda. O lindo country/rock “O Peso é Leve” fecha o álbum com chave de ouro e com direito a harmônica e lap steel em várias partes da canção.

Sobre o nome do disco, Fábio Della é enfático. “É como encaro a música, como um deserto, que seja gelado quando for frio, e muito quente quando for calor. Se for para gritar que se grite, e que o meu grito distorcido soe bem. Que a canção seja uma poesia e que eu a declame, pois estou cheio dessas músicas que emburrecem”. Um álbum forte, verdadeiro e, principalmente, vivo, em que arranjos e letras estão para as músicas como a alma está para o corpo. (Texto de Nenel Neto)

DELLA / PEIXOTO

capa CD

O INÍCIO

Desde o fim do AEROCIRCO eu (Della) e Maurício (Peixoto) planejamos lançar algo juntos, somos amigos e parceiros de composição e isso era mais que motivo para gravarmos. Não se trata de uma continuação do Aerocirco, nem de algo totalmente diferente, é algo atual, visceral, que vem da alma, sem entornos, trouxe para a música o que alguém livre de amarras, preconceitos ou limites estéticos gostaria de tocar, é o que estavamos mais que afim de fazer, era a nossa alma materializada em som, sem pensar no passado, no futuro nem mesmo no ausente, estamos presentes em todos os sentidos.

Minha motivação era simplesmente estar dentro do estúdio produzindo algo novo, me divertindo com coisas novas, testando, improvisando e tudo isso com um componente que parecia ser complicado mas se tornou um aliado, a distância. Com ele aproveitamos cada segundo juntos, dedicando nosso tempo e criatividade para a música.

Testamos cada timbre de guitarra, misturando nossas Gibsons, Rickebacker de 12 cordas, Telecaster, Di Castellis nos fantásticos Vox AC15, Orange, DeVille 410 e HiWatt

Guitarras
Amplificadores

Acredito que o resultado ficou forte, intenso, somos nós dois tocando e experimentando nossos timbres, testando letras e nos deixando mergulhar na mensagem, criando a estética sonora ao redor dela, deixando claro o que queríamos.

AS GRAVAÇÕES

Nos reunimos primeiro em setembro de 2012 em Floripa para conversarmos a respeito de um possível projeto e já na mesma noite saímos com um objetivo, definirmos o repertório. No início esse projeto teria um terceiro membro, Xuxu (Cassim e Barbária), mas acabou que a agenda e a nossa ansiedade nos levou a seguir sem ele.

75990_10151142195868342_745363501_n

Estudio MIX – BH (gravações de guitarras)

MAGIK PLACE

Estúdio Magic Place – Fpolis (gravações de baixos e vocais)

O próximo encontro aconteceu em BH, num estúdio de ensaios, diria que foram 10 ensaios, 7 somente eu, meu fone e a bateria, 2 somente eu, Nenel (bateria) e Hamilton (teclado) e apenas 1 eu e Maurício, esse foi apenas para ver se estava tudo certo mesmo, ou seja, fomos praticamente direto para as gravações as quais duraram 3 dias no estúdio MIX em BH, 1 no Magic Place em Floripa e o restante no meu estúdio para as mixagens e masterizações.

Me empolguei muito com a idéia de gravar bateria, sou apaixonado por ela, compús muita coisa ali, como por exemplo Liquidificador e Enquanto nós (música lançada em 2011 – www.fabiodella.com.br). Faltava gavar algo tocando e achei que essa era a hora certa e pra que isso fosse possível, fiquei sozinho desenhando as linhas com um click, mais o violão e a voz num fone de ouvido, tudo para compor as levadas, viradas, imaginando como seriam as guitarras e assim deu certo, gravei Lembro de Você, Segundo, Quem me Dera, Tem Razão e Coragem pra quem tem em praticamente 2 takes cada, gostamos do resultado.

Bateria

Veja a ficha técnica:

FIcha Técnica
Arranjos e produção: Fábio Della e Maurício Peixoto
Mixagem e masterização: Fábio Della
Projeto gráfico: Maurício Peixoto
Gravado no estúdio Mix Belvedere (Belo Horizonte), com gravações adicionais no The Magic Place (Florianópolis)
Técnicos de gravação: Thiago Marinho (Mix Belvedere) e Renato Pimentel (The Magic Place)

In a Balloon – 4:40
ISRC: BR-FGI-13-00001
Letra e música: Fábio Della
Vocal / Guitarra / Baixo / Hammond: Fábio Della
Guitarra 12 cordas / Segunda Voz: Maurício Peixoto
Bateria – Daniel Gomes (Nenel)
Wurlitzer – Hamilton Soares

Lembro de Você – 3:48
ISRC: BR-FGI-13-00002
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Bateria / Guitarra / Violão: Fábio Della
Baixo / Guitarra / Segunda Voz: Maurício Peixoto
Hammond: Roberto Bez

Quem me dera – 2:58
ISRC: BR-FGI-13-00003
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Bateria / Guitarra Solo : Fábio Della
Baixo / Guitarra / Segunda Voz: Maurício Peixoto

Frente ao que virá – 4:37
ISRC: BR-FGI-13-00004
Letra e música: Maurício Peixoto
Vocal / Guitarra 12 / Violão: Maurício Peixoto
Baixo / Segunda Voz / Hammond: Fábio Della
Seg Voz: Eduardo Xuxu
Piano: Roberto Bez

Segundo – 3:26
ISRC: BR-FGI-13-00005
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Bateria / Violão / Baixo: Fábio Della
Guitarra Solo / Segunda Voz: Maurício Peixoto

Slow time is too fast – 4:22
ISRC: BR-FGI-13-00006
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Violão / Baixo: Fábio Della
Guitarra Solo / Segunda Voz: Maurício Peixoto
Piano: Hamiton Soares
Bateria: Daniel Gomes (Nenel)

Feliz para sempre – 2:43
ISRC: BR-FGI-13-00007
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Wurlitzer / Guitarra / Baixo: Fábio Della
Guitarra / Segunda Voz: Maurício Peixoto
Bateria: Daniel Gomes (Nenel)

Tem razão – 3:57
ISRC: BR-FGI-13-00008
Letra e Música: Fábio Della
Vocal / Guitarra / Bateria / Baixo / Hammond : Fábio Della
Guitarra / Baixo / Segunda Voz: Maurício Peixoto

Coragem pra quem tem – 3:49
ISRC: BR-FGI-13-00009
Letra e música: Maurício Peixoto

MIXAGENS E MASTERIZAÇÃO

IMG_0921

Depois de tudo gravado, me enfurnei no meu estúdio para as mixagens e masterizações. Queria enfatizar o que captamos, dar a energia que a música tinha e pra isso foi preciso investir em alguns plugins especiais para a bateria, afinal de contas gravamos cada bateria em separado e seria muito bom se ela soasse com a acústica valorizada, e de certa forma é muito difícil ter um som de bateria com muita acústica e com pressão ao mesmo tempo.

Gravamos a bateria com muitos microfones, mas todos mais distantes da pele e com dois microfones pegando o som que refletia pelas paredes da sala, isso valorizou muito o som da bateria na mixagem.

As guitarras estavam prontas, pouco foi preciso fazer na mixagem, afinal de contas pudemos misturar todos os pedais, muito fuzz por sinal, guitarras e amplificadores até chegar no som que queríamos, então na mixagem eu não queria mudar nada, apenas flutuar os faders dos PAN, ajustar os volumes e alguns compressores, tudo apenas para colocar cada parte no nível certo, os timbres e execuções estavam do jeito que queríamos.

A masterização era uma dúvida, não sabíamos se colocaríamos nas mãos de outro técnico ou se eu mesmo faria. Como não gosto de esperar e correr riscos, resolvi ir até a última tentativa e cheguei onde eu queria, pressão, volume e dinâmica, isso foi uma aula.

O SOM

Curta todo playlist do projeto, ouvindo em boas caixas ou bom fone, prestando atenção nos passagens das guitarras, bateria e efeitos de uma caixa pra outra, nos arranjos vocais e timbres de cada instrumento, isso levará você aos anos 70 mas com a cabeça em 2013.

[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/playlists/3938034″ params=”” width=” 100%” height=”450″ iframe=”true” /]

Vale a pena assistir o vídeo que apresenta o CD, ele passa um pouco da energia dos ensaios, de como foram as gravações, tanto em BH quanto em Floripa.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=6v0R9Qog9MY]

Hoje, 22/03/2013, faremos o show de lançamento em Florianópolis, no berço da música catarinense – Célula ShowCase com nossos amigos em cima do palco, Robson-Baixo, Roberto Bez-teclado, Quinho Mibach-Bateria mais eu e Peixoto, vai ficar para história.

LANÇAMENTO EP ALICE

É com muito prazer que anuncio o segundo EP ALICE. Este EP é composto das músicas 01-Enquanto Nós, 02-Há de Ser, 03-Alice e 04-Um Pouco Além. As duas primeiras foram liberadas no mês de maio no EP 01, porém agora remixadas e remastarizadas foram incluídas no EP02 o qual lança como faixa título “ALICE” e também “UM POUCO ALÉM”.

Como já explicado anteriormente este EP é o segundo de uma coleção de 03 que irão compor o CD completo, tanto em músicas quanto no material gráfico. A capa do EP01 é apenas uma parte da capa, que foi complementada para compor a capa do EP02-Alice que se completará somente após o lançamento dos 03 EPs.

Para ouvir e baixar todo material (liberado), basta entrar no site abaixo. Tb é possível indicar no seu facebook e twitter pra ajudar a divulgar, não esqueçam de deixar seus comentários aqui no Blog.

HOME

Este trabalho já tem shows marcados em Curitiba e Florianópolis para o começo de novembro, quando chegar mais perto começaremos a divulgação.

Gostaria muito de agradecer em especial meus amigos, Nenel e Mauricio Peixoto, que participaram da gravação de Alice, foi um prazer enorme pra mim!

Abração e vamos curtir juntos
Della